O Futuro do Trabalho tem HuManpower

Escassez de talento e mudança constante impulsionará empregadores a procurarem candidatos “não tradicionais”

  • Estudo explora as 9 tendências do mercado de trabalho consequentes da transição para o trabalho remoto, da transformação tecnológica em curso, do desenvolvimento da Inteligência Artificial (IA) e da construção de um futuro movido a energia verde.
  • Ampliar o potencial humano, em diferentes gerações e áreas de especialização, e ir ao encontro das expectativas e preferências dos colaboradores serão essenciais para fazer face à escassez de talento e aumentar a produtividade das empresas.

Para fazer face à escassez de talento histórica – 77% a nível mundial e 84% em Portugal –, que é a mais elevada dos últimos 17 anos a nível global, e acompanhar as transformações tecnológica, ambiental e do mercado de trabalho, as empresas estão cada vez mais abertas a reverem as suas estratégias de talento, abrindo oportunidades a candidatos não tradicionais ou com interrupções no seu percurso de carreira. Isso criará mais oportunidades para trabalhadores seniores, com experiências de trabalho e de vida inestimáveis, assim como para pessoas com um perfil de competências adquirido de forma não tradicional, como por exemplo através do gaming. Esta tendência também significa que os líderes de negócios “verdes” precisarão de aplicar a mesma mentalidade de sustentabilidade às suas equipas. Estas são algumas das conclusões do estudo “O Futuro do Trabalho tem huManpower” da Manpower, líder global em soluções flexíveis e permanentes de atração e gestão de talento.

Descarregue o estudo e fique a conhecer todas as tendências  que os líderes organizacionais devem considerar na construção de bases de talento preparadas para o futuro.

 

Estudios relacionados


The Dislexic Dynamic

A ManpowerGroup Talent Solutions e a Made By Dyslexia, uma organização sem fins lucrativos que ajuda o mundo a compreender, valorizar e apoiar pessoas com dislexia, uniram forças para desenvolver uma...

LER MAIS